Bom dia, Doutora! - Sintomas de "T.O.C"


Quem entrava no consultório era um jovem de 17 anos.

Vestindo uma calça jeans e uma camisa de manga cumprida.

Logo eu estranhei por que era um dia muito quente. Subitamente ele começou a chorar compulsivamente e disser: "Drª, eu tenho muita vergonha". Eu não falava nada, pois ele queria falar para alguém como estava sofrendo e disse "eu tenho TOC !" Ele me explicou que tinha mania de limpeza, que tomava banho e esfregava a sua pele com bucha por até 4 horas. Então me mostrou como a sua pele estava machucada. E falou: Drª, está bem melhor por quê minha mãe fica dentro do banheiro do lado de fora do box e com muito custo me tira do banho depois de 40 (quarenta) minutos. Meu coração estava apertado de ver tanto sofrimento.

Hoje em dia com o acesso as informações principalmente do Dr. Google é muito comum e perigoso as pessoas tentarem se auto diagnosticar e até se automedicar. Isso é muito complicado pois nada substitui uma boa avaliação médica. Durante a consulta psiquiátrica além de fazermos o diagnóstico,traçarmos um plano terapêutico é importante que o paciente se sinta acolhido e que saiba que é possível viver sem tanto sofrimento.

Ele já estava fazendo psicoterapia e à pedido do seu psicoterapêuta veio até mim. A mãe também sofria muito. Mas ele tinha dado o passo mais importante de seu tratamento.

Ele queria melhorar.

#Psiquiatra #Jacareí #Psiquiatria #Eulalia